Física – Refração

Física

Lentes Convergentes, lentes divergentes e Vidros Planos A Refração da Luz Índice de refração: Considere dois meios homogêneos e transparentes, separados por uma superfície. Quando a luz, propagando se num dos meios, índice de superfície se separando e passa a se propagar no outro meio, dizemos que está ocorrendo o fenômeno da refração luminosa. Explica-se pela refração uma série de fenômenos ópticos, como a aparência de quebre de uma haste, parcialmente mergulhada na água, ou a impressão de que uma piscina é mais rosa do que realmente é. A refração é acompanhada por uma mudança ma velocidade de propaganda da luz e no seu comprimento…

Ler mais

Física- Espelhos Planos

Física

Espelho é o sistema óptico constituído por uma superfície plana polida, onde a reflexão regular é fenômeno que ocorre com maior intensidade. Consideramos um ponto luminoso P diante de um espelho plano E. A luz proveniente desse ponto reflete-se no espelho, obedecendo às leis da reflexão. Um observador O, recebendo a luz refletida, tem a impressão de que essa luz origina-se de um ponto P situado ”dentro do esplho” e que, geometricamente, corresponde ao cruzamento dos prolongamentos dos raios refletidos. Esse ponto P é denominado ponto imagem virtual. O ponto P de onde realmente os raios são provenientes é o onto objeto real. O ponto objeto O e o ponto imagem P’ são simétricos em…

Ler mais

Física- Espelhos, lentes e instrumentos

Física

Reflexão difusa. A cor dos corpos  Quando a luz se reflete numa superfície irregular, dizemos que ocorreu uma reflexão difusa. Se a luz incidente dor constituída de raios paralelos, verifica-se que, após a reflexão difusa, deixa de existir nas maisdiferentes direções. Este fenômeno é fundamental para o nosso relacionamento visual com o mundo que nos cerca, pois á através dele que temos a percepção dos objetos. Há vários tipos de luzes, conforme a frequência que apresentam. A luz de menor frequência é a luz vermelha (3,8 x 10¹³+¹ Hz) e a de maior frequência é a luz violeta (8,3 x 10¹³+¹ Hz). Em ordem crescente…

Ler mais

Física – Empuxo

Física

Empuxo – Física O princípo de Arquimedes Embora válido para qualquer fluido (líquido, gás ou vapor) em equilíbrio, nas considerações seguintes vamos considerar que esse fluido seja líquido. Consideramos um corpo de massa m, peso P, volume V e densidade d, imerso em um líquido homogênico em equilíbrio de densidade d. O líquido atua sobre o corpo em toda a extensão de sua superfície que está em contato com o líquido. A resultante das forças aplicadas pelo líquido sobre o corpo é camada empuxo. Ela é direcionada na vertical, de baixo para cima, ou seja, opõe-se à ação da força peso que atua no corpo. Estabelece o Princípio de Arquimedes que: ”Um corpo imenso, parcial ou totalmente num líquido sofre a ação de uma força vertical, orientada…

Ler mais

A Conservação da Energia Mecânica

Física

A conservação da energia mecânica será possível quando as forças de atrito puderem ser consideradas desprezíveis. Dizemos, nestas situações, que o trabalho é realizado por forças conservativas, ou seja, a resultante que age sobre o sistema somente é composta por forças conservativas. Por exemplo, durante a queda de um objeto em direção ao solo, desprezamos a resistência do ar e consideramos como única força atuante, a atração gravitacional, que é conservativa. Desde forma, em qualquer instante da queda, podemos dizer que há conservação de energia mecânica do sistema. Outra situação em que é possível admitir a conservação da energia mecênica é na compressão ou descompressão de um mola por…

Ler mais

Mecânica – Força

Física

Princípio da inércia ou Primeira lei de Newton  O Princípio da inércia ou Primeira lei de Newton estabelece que: Um ponto material livre da ação de forças ou sob força resultante nula, ou está em repouso ou realiza movimento retilíneo e uniforme. Isto significa que um ponto material livre da ação de forças possui velocidade vetorial constante: V = O (repouso) ou V constante diferente de O (movimento re tilíneo e uniforme). Do princípio da Inércia resulta o conceito dinâmico de força: Força é a causa que produz num corpo variação de velocidade, isto é, produz aceleração. Na prática é impossível obter-se um poto material livre da ação de forças. No entanto, se o mesmo estiver sujeito a forças que…

Ler mais

Mecânica

Física

É a parte da física que estuda o movimento. Cinemática– é a parte da mecânica que estuda o movimento sem levar em consideração as suas causas. Conceitos básicos –móvel -> todo corpo que pode ser porto em movimento – partículas -> é todo corpo cujas dimensões podem ser desprezadas no estudo do movimento. – movimento e repouso ->são conceitos relativos, isto é, dependem de um referencial. Dizemos que um corpo está em movimento quando a posição entre ele e o referencial escolhido varia no decorrer do tempo, caso contrário, dizemos…

Ler mais