Bioquímica celular (Ácidos nucleicos)

Biologia

Os ácidos nucleicos são as maiores moléculas encontradas no mundo vivo e responsável pelo controle dos processos vitais básicos em todos os seres.
As enzimas regulam as funções vitais mediante o controle que exercem sobre as reações bioquímicas que se processam no organismo. Acontece que todas as enzimas são produzidas sob a ”supervisão” de um ácido nucleico, segundo a ”programação” genética que ele apresenta. Daí os ácidos nucleicos serem considerados as ‘‘moléculas mestras” da vida.

Classificação e constituição dos ácidos nucleicos

Nos seres vivos existem dois tipos básicos de ácidos nucleicos: o ácido desoxirribonucleico, representado pela sigla DNA ou ADN, e o ácido ribonucleico, representado pela sigla RNA ou ARN.
Os ácidos nucleicos são grandes moléculas constituídas por unidades menores denominadas nucleotídeos. Cada nucleotídeo., por sua vez, é constituídas por unidades menores denominadas nucleotídeos. Cadanucleotídeo, por sua vez, é constituído por um grupo fosfato (íon derivado de ácido fosfórico) ligado a uma pentose (monossacarídeo com cinco átomos de carbono), que se liga a uma base nitrogenada.
pentose, nos ácidos nucleicos, pode ser de dois tipos: ribose e desoxirribose.
As bases nitrogenadas, por sua vez, classificam-se em duas categorias: púricas e pirimídicas.
No DNA, a pentose é sempre a desoxirribose e as bases nitrogenadas que podem ser encontradas são: adenina, guanina, citosina e timina.
No RNA, a pentose é sempre a ribose e as bases nitrogenadas encontradas são: adenina, guanina, citosina e uracila.

Portanto, no DNA não existe uracila e no RNA não existe timina

Postado por Karen Alves

Artigos relacionados

One Thought to “Bioquímica celular (Ácidos nucleicos)”

  1. vanderleia

    este é um assunto que gosto muito

Deixar comentário