Categoria: | Biologia, Explicações, Resumos

Vida e energia

Os seres estão sujeitos a um constante processo de desgaste natural. Assim, para que um ser vivo possa executar adequadamente as suas diversas funções vitais, é preciso compensar o desgaste natural do organismo através de um contínuo suprimento de substâncias diversas contidas nos alimentos.

Uma das funções básicas dos alimentos é fornecer ‘‘matéria-prima” para a construção, o crescimento e a manutenção dos seres vivos. É por meio das substâncias contidas nos elementos que novas células são produzidas, permitindo o crescimento e repondo aquelas que morrem.

Além da obtenção de ”matéria-prima’‘, os seres vivos extraem dos elementos a energia química acumulada em suas moléculas orgânicas; essa energia é então empregada no desempenho das diversas atividades biológicas que constituem o trabalho celular. Por isso se diz que os alimentos atuam como ”combustíveis”, pois fornecem às células a energia necessária para que ocorram as diversas funções vitais.

Em qual quer ser vivo, a alimentação adequada é fundamenta para a manutenção de um estado de equilíbrio interno dinâmico, em que as funções vitais ocorrem de maneira harmoniosa e integrada. Esse estado é chamado homeostase.

Como os alimentos são obtidos

De acordo com a maneira de obtenção dos alimentos, os seres vivos podem ser classificados em dois grandes grupos: autótrofos e heterótrofos.
Autótrofos. Também chamados de produtores, são os organismos capazes de sintetizar alimento a partir de energia e de substâncias inorgânicas simples. Os mais comuns se utilizam de energia luminosa e são chamados de fotossintetizantes; é o caso dos seres dotados de clorofila, um pigmento verde capaz de absorver a energia luminosa. Os organismos clorofilados compreendem certas bactérias, as algas e as plantas.

Na fotossíntese, a partir de gás carbônico, água e energia luminosa, ocorre a produção de gás oxigênio e de sustância orgânicas, representadas por moléculas de glicose.

Veja a equação simplificada da fotossíntese:
6 CO2 + 6 H2O ->luz / clorofila -> C6H12O6 + 6 O2

A fotossíntese é de fundamental importância para a manutenção do equilíbrio biológico da terra. É através da matéria orgânica sintetizada nesse fenômeno que se garante a nutrição direta e indireta de praticamente todos os organismos vivos. Além disso, a fotossíntese consome gás carbônico e libera gás oxigênio, compensando, por exemplo, a atividade respiratória que, num processo inverso, consome gás oxigênio e libera gás carbônico; assim a fotossíntese contribui para manter mais ou menos constante a taxa desses gases nos mais diversos ecossistemas de nosso planeta.

Fonte:Livro de Biologia/ Paulino

Postado por Karen Alves

Deixar um comentário

Curta no face

Receba resumos pelo e-mail

Coloque aqui o seu endereço de e-mail e receba nele explicações e resumos de matérias: